Verona, Italia

Buongiorno Italia! Dormi que nem uma pedra e acordei cheia de boa disposição, para não variar. Quem acompanhou a minha estadia pelo Brasil sabe o quanto essa viagem me fez bem. Desde então que olho para a vida com um certo valor. O segredo está em focar-me nas vivências positivas e saber tirar partido das negativas. Não acho que seja tudo uma questão de sorte ou azar. Mas também não acredito no destino. Acredito simplesmente que serei feliz quando, onde e da maneira que eu quiser. Nao permito que algo ou alguém interfira nisso, seja em que circunstância for. A felicidade não pode ser definida por um ato isolado, mas sim por um conjunto de fatores positivos que nos rodeiam. Cabe a cada um de nós saber filtrá-los.

Hoje fui de boleia com a Alessandra até Verona. Quem é a Alessandra? Não faço ideia. É italiana e conheci-a na app BlablaCar. 
Verona é relativamente pequena, conheci os principais pontos turísticos em 4 horas, sempre a pé, com a ajuda do Google Maps. Convém sempre saber onde fica a estação central de cada cidade, é o ponto de partida e chegada.

Visitei a Porta Nuova, a Arena, a Piazza delle Erbe, a Piazza dei Signora, a Via Capello 23 onde se encontra a casa de Giulietta inundada de papelinhos cheios de mimimi (ntiras). Já sabem que sou pouco fã de promessas amorosas. Ainda assim é um local bonito para uma história cheia de falhas. Uma miúda de 12 anos e um rapaz de 17 apaixonam-se loucamente, em três dias suicidam-se e ainda morrem mais quatro ou cinco desgraçados! Portanto, imagino a história com duas famílias a chorar de funeral em funeral, com olheiras até ao umbigo e ainda oiço a minha avó dizer "quanto mais choras menos mijas". Se eu tivesse seis funerais em três dias não me iria lembrar daquilo como um momento amoroso. É de uma violência gigantesca que não lembra a ninguém gente!!

Continuando... não pude deixar de visitar também a Torre dei Lamberti, o rio Ádige e a ponte di Castelvecchio.




















Desta vez não havia opções na App à hora que pretendia então segui de comboio para Veneza. Comprei o bilhete pela internet, bem mais em conta. Os preços costumam variar consoante a hora da partida, vão desde os 8€ aos 45€.
Neste momento estou em Veneza mas deixo para amanhã o post sobre esta cidade encantadora, agora só quero aproveitar este jantar tipicamente italiano...