Treino de força básica e funcional no basquetebol

Eu e o Personal Trainer André Cambim (que por acaso é meu namorado. Quem diria...) decidimos filmar o nosso treino de força básica e funcional na modalidade de basquetebol. Este foi um treino devidamente ajustado a mim e utilizado no mesociclo de transição. Este, teve a duração de 8 semanas de treino, com 4 sessões de treino semanais.
Há quem diga "ah se eu tivesse um namorado PT também faria exercício físico assim", não digam asneiras, faço desporto desde os meus 6 anos e ginásio desde os 13. Não o faço por obrigação mas sim por gosto. Umas viciam-se no tabaco, eu viciei-me no exercício físico. Nunca treinei contra a minha vontade. O facto de ter um namorado especializado na área é sim um grande pilar, por me ajudar nos exercícios e a atingir os meus objetivos, que não é ficar "tipo homem" como muita gente comenta só porque treino com pesos (gente essa que não percebe patavina do assunto). Durante muitos anos treinei com o objetivo de manter a tonificação do meu corpo, este ano mudei o treino para hipertrofia. Gosto de um corpo definido, sem flacidez, um rabo duro e abdominais definidos (confesso, é a tarefa mais difícil). Por dia treino um grupo muscular, por exemplo, às segundas treino membros inferiores (glúteo/quadricep/adutor/gémeo), às terças é a vez dos membros superiores (trícep/bícep/deltóide), às quartas treino peito e costas, às quintas volto aos membros inferiores e etc. Vou intercalando exercícios de abdominal com lombar, às segundas, quartas e sextas abdominais, às terças e quintas lombar. Ainda às segundas e quartas vou às aulas de Cycling e às terças e sextas vou às aulas de Functional Cross Training. Às segundas, quartas e sextas tenho ainda treinos de basquet. Como podem ver, a desculpa banal do "não tenho tempo" não passa disso mesmo, de uma desculpa.
Quanto à alimentação, não faço uma dieta como ele faz, não me privo de nada mas evito os fritos e as gorduras. Abuso dos hidratos de carbono e das proteínas, não evito comer chocolates, aliás, no intervalo dos jogos de basquet como sempre uma barrinha, uma vez que tem um elevado valor energético. Não consigo gostar de saladas de alface, já me obriguei mas é impensável. O ideal é não ingerir mais calorias do que aquelas que vou gastar no treino.
Se tomo suplemento? Neste momento não, mas já tomei creatina para ajudar na definição e na resistência. E não, não considero os suplementos uma "batota", mas sim uma grande ajuda, como o próprio nome indica, é um suplemento! Sem treino os suplementos não fazem efeito, portanto.
Se tivesse oportunidade de mudar algo no meu corpo? Sim mudava. O corpo ideal? O das atletas do Bikini Fitness IFBB, vejam o da portuguesa Ana Fragoso AQUI!




(Tenho dito, ele é um profissional exemplar, muitos tentam mas todos se desleixam. Esse vício dele em absorver o máximo de conhecimentos através de livros e artigos, a concentração com que lê, com que dá as aulas, com que elabora os planos de treino... fascina-me! Ele tem uma capacidade de auto-controlo brutal, um ingénuo instinto para ajudar quem o procura. Tenho a certeza que terá muito sucesso. É caso para dizer: quero suar e sofrer de dores musculares com ele até ao final da nossa vida.)
Após o treino decidimos fazer um mini sessão a ambos:











Deixo aqui um vídeo de motivação para as meninas. É por isto que devem treinar pesado e não se desleixarem, nada sabe melhor do que nos sentirmos bem com o nosso corpo. Também não verão resultados se se inscreverem num ginásio e treinarem que nem malucas a experimentarem as máquinas todas (vejo muito disto, não façam essas figuras por favor!). Podem e DEVEM pedir ajuda a um instrutor para que vos avalie e elabore um plano de treino específico para o vosso corpo e objetivo.





Não se esqueçam de participar no passatempo que está a decorrer no blog! Termina já este mês e poderás ser a sortuda a ganhar um dos prémios! Clica AQUI e participa!