15 julho 2015

Bênção de Finalista

A bênção da minha turma foi em maio, nessa altura estava eu ainda numa daquelas praias paradisíacas do Brasil. Custou-me não estar presente e não sentiria o curso terminado sem a bênção. Quando cheguei a Portugal falei com o padre da paróquia e ele aceitou benzer-me. Desde já muito muito obrigada a ele, do fundo do coração!
Na verdade, a minha bênção foi mais bonita que aquela desgraça que fazem lá em Beja. Bênção que é bênção tem de ser feita numa igreja, não no recinto da ovibeja ou na relva lá do politécnico. Perdoem-me.
Chorei. Claro que chorei, nem seria o mesmo se não chorasse. Adorei o facto da minha equipa ter vindo trajada para me acompanhar, as amigas do peito, aquelas que sei que serão para a vida toda independentemente do que aconteça.
Um obrigado às duas amigas de Beja que se deslocaram para este fim do mundo sabendo que me fariam feliz só pela sua presença.
Um obrigado aos meus pais por todo o sacrifício que fizeram para que eu terminasse este curso, por todo o apoio nas más alturas e por terem acreditado em mim desde o início. Parabéns também a eles pelos 25 anos de casados! Durante a cerimónia fomos todos surpreendidos pelo padre, após um pequeno discurso, casou-os pela segunda vez (com alianças e tudo, atenção), um momento verdadeiramente emocionante! Um dia inesquecível para esta família que tanto me orgulho!














3 anos separam estas duas fotografias, ele bem disse que estaria presente na minha bênção. Falou e cumpriu. É um prazer tê-lo ao meu lado!




















Sem comentários:

Enviar um comentário